10 teorias sobre ‘American Horror Story: Roanoke’

Sejamos honestos: uma das melhores partes de American Horror Story é o suspense. Ninguém mais que Ryan Murphy, que nos proveu nada menos de 25 teasers para nos confundir a respeito do verdadeiro tema da temporada.

Contada através das lentes de um “mocumentário”, agora sabemos que a sexta temporada focará nos eventos que circundam a colônia perdida de Roanoke, onde 117 homens, mulheres e crianças desapareceram misteriosamente em 1590. Mas o que aprendemos com a season premiere não nos ajudou muito a compreender a história. Confira a seguir as teorias mais interessantes feitas por fãs no Reddit até agora:

1. Alguém está mentindo.

Se um narrador estiver mentindo, toda a história pode mudar bastante. Se Shelby (Lily Rabe/Sarah Paulson) estiver mentindo, todos os aspectos sobrenaturais da história vão se perder. Por já ter ficado separada duas vezes de Lee (Adina Porter/Angela Bassett) e Matt (André Holland/Cuba Gooding Jr.), boa parte da história narrada por Shelby só teve ela como testemunha. Se Matt estiver mentindo, nenhuma das duas ameaças anônimas aconteceram.

anigif3

2. Os atores serão os próximos afetados. 

Por conta de estarem reencenando o ocorrido provavelmente no mesmo ambiente onde a família original esteve, existe uma grande chance dos atores serem afetados pela casa e por todo o mistério de Roanoke que a cerca.

3. Os narradores não são quem dizem ser.

Apesar da probabilidade da história ser real, os narradores podem ser atores também.

4. Além da história família Miller, ouviremos mais histórias de Roanoke.

“My Roanoke Nightmare” talvez reúna testemunhos de outras pessoas que experienciaram situações bizarras naquela terra além do testemunho que já estamos conhecendo.

5. Shelby é uma bruxa.

Matt finalmente acordou no hospital após Shelby segurar sua mão, e logo em seguida ela sofreu um aborto espontâneo. Shelby pode ser uma descendente das bruxas de Salem e ter realizado o Vitalum Vitalis sem ter percebido. Para quem não se lembra muito de Coven, o Vitalum Vitalis é um feitiço que funciona como uma “troca de vitalidade”, que pode ser aplicada em pessoas gravemente feridas e em pessoas já mortas. Shelby pode ter, inconscientemente, trocado a vida de seu bebê pela a de Matt.

anigif

6. Uma entidade está influenciando eles.

O maior medo da Shelby é que Matt morra, o que se manifestou através da chuva de dentes e pela aparição das enfermeiras. Já o da Lee é perder sua sobriedade e sua filha, o que se manifestou pela garrafa de vinho que foi rolada até ela e por potenciais eventos do próximo episódio. Tal entidade poderia ser alienígenas, fantasmas ou algum ser de outra dimensão. Ela poderia ser boa, má ou até neutra. A entidade poderia também ter influenciado Lee e Shelby a irem até o porão enquanto a casa estava sendo invadida.

7. Os caipiras são os mocinhos.

Eles foram o primeiro grupo que levantou suspeitas. Parecem ser nativos do local, portanto, têm maior conhecimento sobre as terras. Comprar a propriedade significaria manter pessoas longe dali.

8. O “Homem Porco” é o mocinho.

O homem com cabeça de porco poderia apenas ser mais uma vítima dos eventos estranhos que acontecem na propriedade, e não um monstro.

9. A história vai desmoronar.

Ter várias narrativas pode nos fazer questionar quem está contando as histórias. Múltiplas testemunhas podem significar que várias pessoas estão passando por coisas diferentes ao mesmo tempo. Enquanto Shelby via algo horroroso, Lee não enxergava nada, na mesma sala. Os narradores vão começar a desconfiar uns dos outros. Lee já se mostra desconfiada de Shelby, enquanto Shelby já questionou se Matt confia ou não nela. Isso pode fazer com que “confiança” seja um tema recorrente na temporada.

anigif2

10. Nós vamos ver o que realmente aconteceu.

Assim que o documentário terminar e ouvirmos os três pontos de vista (Shelby, Matt e Lee), finalmente vamos ver o que de fato aconteceu com os personagens de Lily Rabe e cia., e isso irá revelar algo drasticamente diferente do que foi mostrado no documentário “My Roanoke Nightmare”.

O segundo episódio, intitulado como “Chapter Two”, foi escrito por Tim Minear e dirigido por Michael Goie irá ao ar na próxima quarta-feira, dia 21, no FX USA.

Tradução por Aline Ruth Schmidt e Gabriel Fernandes.

  • Aline Moura

    Vcs viajam muito.. PQP

    • Gabriel Fernandes

      Qual o problema de fazer teorias? Machuca alguém, Aline? Cê tá brava?

    • Rafaela Tavares

      Que bom! É viajando que as pessoas têm as melhores sacadas.

  • Isabella

    Teorias 2 e 3 bem prováveis…

  • Veronica Lee

    Os 1,5 e o 7, eu já imaginava (pode ser verdade ou não) eu achei extremamente estranho quando a Shelby tocou o Matt e ele se mexeu, mas, pode ser que eles dois saibam que ela é uma bruxa e não tenham dito nada no programa, com isso vem a primeira teoria de que eles estão mentindo…
    Sempre em alguns filmes de terror tem uns carinhas que avisam pra não mexer com aquilo e isso faz bastante sentido, talvez os caipiras quisessem comprar a casa para acabar com o mal que pode viver dentro dela…
    Mas de qualquer forma o jeito é aguardar os próximos capítulos pra saber oq vai acontecer, eu estou muito ansiosa, essa semana vai ser bem longa viu…

  • Davi Godoy

    Minha teoria pessoal: Estão todos mortos e dando uma entrevista à Billie Dean, com ela, inclusive, dando uma de atriz e interpretando Shelby. Lee está na verdade sendo interpretada pela vampira Ramona Royale que conheceu Billie durante as gravações realizadas no Hotel Cortez.

    • Higor

      E o Matt é o O.J.

  • Brenno

    Eu só queria entender o motivo dessa mulher ter dentes nas unhas!

  • Pablo

    A 8 me parece bem possível (pra quem não percebeu, o cara com o machado é o q aparece na fita) https://uploads.disquscdn.com/images/878e5ebd7af8592a291064becec0538268d92a12f1c5f45dc38b15c695d53742.png )

  • Pablo
  • Oswaldo Gonçalves Maciel

    Alguém sabe me falar quando será lançado o dvd/bluray de ahs hotel???

  • Larissa Moreira

    Gente, posso entrar com a 11ª teoria? Para mim ficou claro que a série será sobre 4ª dimensão. O relógio parado (simbologismo máximo da 4ª dimensão); duas realidades em paralelo, reificando a lei hermética de que o que há em cima há embaixo; distorções no espaço-tempo (alusões a pessoas com roupas de época, o que remeteria à história original de Roanoke), etc. Todas as minhas apostas nessa!

    • Thaís Merenda

      Também pensei nessa hipótese de dimensões paralelas embora eu não gosto muito desse tema Pois é muito confuso agora se for que um deles está mentindo que é o queestao mais falando vai ficar chato porque todo aHS é sobre terror e se não tiver terror não tem sentido

  • dave120

    a ultima tem 99,9% de chances de acontecer.

  • Mais uma: Shelby, Matt e Lee são sozinhos no mundo. Abandonados. Esquecidos. Assim como os colonos de Roanoke. O local deve, sim, mexer com a cabeça das pessoas inseguras e abandonadas.

  • Yasmin Faria

    Pode não ser absolutamente nada do que esta escrito abaixo, mas algum sentido isso faz ou eu estou completamente doida. hahah

    Pra quem já assistiu o Chapter 3, uma coisa começou a pipocar firmemente na minha cabeça. Já repararam na falta de empatia do Matt e da Shelby que estão narrando a história? Já a Lee que tá narrando tem uma expressão e um tom de voz muito mais expressivo e como se fosse realmente alguém que tenha passado por aquelas situações, principalmente quando ela vai falar da filha (ambas) e chora e começa a se desestabilizar total. Já os outros dois parecem ter decorado a história e por vezes parecem até estar lendo algo de frente as câmeras, o que eu NÃO vejo ali são duas pessoas que passaram por uma situação traumática. To começando a cogitar que nem a Shelby (Lily Rabe) nem o Matt (André Holland) são quem eles dizem ser. Talvez a única testemunha ocular de tudo que aconteceu seja realmente a Lee (Adina Porter) e os outros dois ou são apenas atores e os verdadeiros estão mortos, ou tem outra alminha dentro daqueles corpos ali.

    Partindo da ideia de possessão, tem uma outra coisa me incomodando também, talvez dai nasça uma teoria, apesar deu não gostar muito de arriscar em teorias e depois me frustar sobre elas. Mas vamos lá. Se preparem por muitos “talvez…”.

    No começo da série a Shelby estava desesperada pra sair da casa. Ela estava ciente de tudo que tava acontecendo e que não importava mais a casa, mais o dinheiro, mas eles tinham que ir embora dali de qualquer maneira. Só que quando ela enfim tenta fugir da casa, no episódio da floresta que ela desmaia em frente ao carro da Lee e é levada pro hospital, ela muda COMPLETAMENTE o jeito dela, ela não quer mais desistir da casa de jeito nenhum, e temos uma prova clara disso no final do episódio 3, quando o acordo em queimar a casa e deixar a terra não a agrada nenhum pouco. E se nesse momento que ela desmaia (Chapter 2), foi porque o corpo dela foi tomado por algum espirito? Talvez a própria Priscilla. Reparem a Shelby nos dois primeiros episódios e depois desse incidente do desmaio. Detalhe muito importante, a última pessoa a ter contato com a Flora antes dela desaparecer, foi a própria Shelby e até onde sabemos quem escondeu a Flora foi a Priscilla, e se todo esse tempo a Priscilla tiver possuindo a Shelby? Com a chegada do Cricket Marlow (o vidente), a relação vivos e mortos começaram a se esclarecer. A Lee continuou insistindo na busca pela Flora, o que por fim resultaria no abandono do lugar como o Cricket estava acordando com a Tomasyn, mas percebemos ao fim como isso deixa a Shelby/Priscilla abalada, e a própria entrega a Lee para as autoridades afim de se livrar dela e permanecer com seu plano. Seja ele qual for, alguém quer mante-los ali e alguém quer afasta-los. (Falo dos meus achismos sobre o plano mais abaixo).

    De acordo com a Tomasyn (The Butcher) a Priscilla é uma filha bastarda que se esconde por alguma coisa e pelo visto não é bem aceita entre os outros colonos. Talvez por algo que ela tenha feito no passado e agora esta sendo caçada? Vai ver ela foi a responsável direta pelo desaparecimento de toda colônia de Roanoke? Não sei, mas tem coisa ai nessa treta Priscilla e colonos. Talvez exista um embate maior entre a Tomasyn e a Priscilla (“bad seed,”).

    Na lenda original das bruxas, uma mulher se torna bruxa e começa a servir ao demônio quando ela entra em contato sexual com um succubus ou incubus e troca sua alma por desejos de poder, vingança, imortalidade e por ai vai. No Chapter 3 vemos a Tomasyn quase morrendo na floresta quando ela é salva por aquela criatura toda suja (Gaga) e oferece a ela um coração de porco, e provavelmente vingança contra os colonos que a traíram, em troca da alma dela. A personagem da Gaga pode representar esse succubus. Succubus é um demônio sexual feminino o que pode explicar também a cena entre essa criatura e o Matt na floresta. A Priscilla pode ser a filha bastarda da Tomasyn com um demônio? Ou a filha bastarda do John White ( marido da Tomasyn) com outra mulher/demônia/criatura/sei lá? Na história original de Roanoke, John realmente existiu e ele tinha uma filha e uma neta.

    Muitas culturas acreditam que comer coração ajuda na fertilização, não sei se procede ou se é real, mas sei que em Murder House acontece a mesma coisa com a Vivien Harmon (Connie Britton), é servido um coração pra ela comer quando ela esta grávida. Se isso isso faz sentido eu não sei, mas pelo visto pro Ryan é assim que funciona as coisas hahaha então penso eu, que mais um vez o tema fertilização tá bastante presente nessa temporada, até mesmo pela Shelby ter perdido o bebe no primeiro episódio, talvez isso tenha algum significado mais a frente.

    Voltando…essa parte é uma viagem muuito doida. Maaas e se… os planos da Priscila for conseguir uma receptora (Shelby) pra prole dela com o Lucifer e assim dar inicio em todo aquele processo do anticristo (Murder House)? Se a menina for mesmo filha do diabo, nada mais justo do que ela querer continuar essa linhagem e trazer o apocalipse pra terra. Se de alguma forma aquela terra permite que os mortos se comuniquem com os vivos, as chances dela conseguir isso são lá mesmo. Por isso a necessidade de manter a Shelby por perto. Outra observação: tanto na cena da fogueira que a Butcher grita “Peguem ela!” apontando pra Shelby, quanto na cena que os irmãos Polk ( pig boys) começam a gritar “Croatoan”, penso que ambos estão se dirigindo a Priscilla/Shelby. Outra coisa relacionado a isso também chamou minha atenção, quando o Cricket (vidente) grita Croatoan pra expulsar o espirito da Butcher da casa,, a Lee e o Matt se mostram interessados em saber onde os espíritos falaram que a Flora esta, já a Shelby/Priscilla está mais interessada em entender sobre a palavra “Croatoan”.

    Vai ver a “boazinha” nessa história toda é a The Butcher que está apenas tentando afastar os visitantes dali. Para que uma burrada feita no passado não se repita e mais uma população desapareça por inteiro e fique condenada naquelas terras.

    Essa minha teoria muito louca ai faz uma ligação direta com Murder House.começam a gritar “Croatoan”, penso que ambos estão se dirigindo a Priscilla/Shelby. Outra coisa relacionado a isso também chamou minha atenção, quando o Cricket (vidente) grita Croatoan pra expulsar o espirito da Butcher da casa,, a Lee e o Matt se mostram interessados em saber onde os espíritos falaram que a Flora esta, já a Shelby/Priscilla está mais interessada em entender sobre a palavra “Croatoan”.

    Vai ver a “boazinha” nessa história toda é a The Butcher que está apenas tentando afastar os visitantes dali. Para que uma burrada feita no passado não se repita e mais uma população desapareça por inteiro e fique condenada naquelas terras.

    Essa minha teoria muito louca ai faz uma ligação direta com Murder House. E pra mim American Horror Story é uma história contada de trás pra frente. Todas essas outras temporadas estão ligadas pra explicar a origem desses lugares que mantém as almas vagando por lá eternamente e a chegada do anticristo na terra.

    • Thays Ambrosine

      Tem uma cena que está o Matt e a Shell na porta da casa, ela se deita no ombro dele e se diz estar enjoada (a situação a fez passar mal) e eu acho que ela está grávida.

      • Yasmin Faria

        Super pode ser, e acho que é justamente esse o plano. Gerar mais um anticristo ou um exercíto deles na terra.

    • Ricardo Lima

      Yasmin, eu também reparei que a Lily e o André estão muito alheios. Eles narram o documentário como se aquilo nunca tivesse acontecido com eles, como se eles nunca tivessem vivido aquela situação horrorosa. Já a Lee não. É ela quem mais “se emociona” e tals, como se fosse a única ali a ter realmente vivenciado aqueles fatos.

    • Yasmin Faria

      Continuando minha viagem.

      E se a Shelby esta possuída pelo espírito da Gaga faz sentido também. De qlq forma, pra mim essa série é sobre possessão e fertilização.

      Toda temporada meio que é dado pra gente uma “criança” assassina, um anticristo. Na primeira o Michael Langdon, filho do tate que a Constance pega pra criar no final. E lembra que o papa fala que o anticristo vem na terra quando um espirito tem relações com um humano? Entao, acho que cada temporada tem seu próprio anticristo. Na segunda aquele menino que é internado em Bridcliff possuido e o demonio depois entra na Mary Eunice (que quando esta sendo possuída, desmaia da mesma forma que a Shelby na floresta). Mas também pode ser o Blood Face do final. Na terceira a Marie Laveau leva todo ano uma alma inocente (bebe) pro Papa Legba, pra cumprir o trato dela com ele e ser imortal. Na quarta acredito que o Dandy Mott seja essa criança, um adolescente com uma alma super infantil e completamente maluco. E também o Ryan já disse que vamos saber mais da história dos Mott nessa temporada. Na quinta, temos o filho do John Lowe, alem dos filhos da Gaga como os anticristos e em Roanoke acho que eles estão mostrando a origem desse mal, a explicação de onde surgiram todas essas “bad seed” das outras temporadas. Na minha viagem o próprio diabo tá montando um exercito na terra pra chegada do apocalipse. hahahaha pode parecer meio absurdo, mas tem algum sentido. Ainda mais depois disso que vou falar agora. (Esse final li num site, o resto é viagem minha)

      “Tanto em murder houser quanto em roanoke a série se inicia focando em uma árvore. O próprio logo dessa temporada é uma árvore.” E se essa árvore representar a árvore genealógica dos anticristos? Das crias do demônio, do mal na terra.
      Outra coisa, essa árvore está envenenando o solo? Por isso esses locais onde essas sementes são plantadas as almas ficam presas ali dentro? Pode ser que tenha algo ai.

      A Gaga disse em uma entrevista que a personagem misteriosa dela é um tanto quanto “terrestre”. E fala que pode parecer ridículo quando a gente descobrir e ela está literalmente na terra. Algo assim. Ou seja, e se a Gaga for a árvore? Hahaha bizarro mas em todas as cenas ela aparece toda suja de terra. Ela pode ser a própria raiz, algum tipo de demônios que envenena o solo. Isso explica as raízes da logo de Roanoke serem vermelhas, tipo sangue.