Battle Royale – Os melhores momentos comentados

Depois de quase duas semanas com gostinho de um ano, tivemos a oportunidade de ver o penúltimo episódio da temporada Hotel. Nem teve tantos tiros como o episódio passado né, gente. Mas olha, vou confessar pra vocês que meu coração doeu em algumas cenas, viu? Caso você, querido leitor, ainda não tenha lido a nossa maravilhosa review, por favor, não perca mais tempo. Clique nesse link agoooora!!!

  • Post mortem excrement; 

tumblr_o0llniSiMX1qfgo1to2_500

Começando com a rainha da temporada, né amigas. Sally era grunge, rockeirona, compositora e carente lá na década de 90 quando a maioria de nós ainda não tínhamos nascido ou estávamos quase nascendo. Foi ela que fez uma espécie de “cirurgia” pra retirada das balas na Condessa (a gente fala disso já já!), e como o momento era super oportuno, ela começou a contar a estória de vida dela. E a Condessa adorou ouvir, vocês perceberam? Ela era compositora, guitarrista, aviãozinho e amiga dos traficantes em Los Angeles. Podia chamar a Sally pra resenha que ela era insana! Descobrimos que ela deu uma “sacolejada” animadora num amigo de infância chamado Juan Moacanda, começou a trampar de aviãozinho pra ele e entre uma quebrada e outra ela conheceu Nick Harley e Tina Black. Os dois ficavam no maior amasso nos estúdios de gravação, e quando precisavam de uns arranjos de guitarra ou uns conselhos sobre detalhes das músicas, perguntavam da Sally.

Acontece que um certo dia eles tiveram a infeliz ideia de se picar no Hotel Cortez, disseram que iam “derreter as caras” e pediram o maior quarto. Liz Finíssima, maravilhosa como sempre e desde sempre na recepção, disse que todos os quartos eram do mesmo tamanho, deu uns conselhos de moda pros grunges e disse pra sentarem em toalhas quando estivessem pelados, porque “Cagadas de poetas mancham tanto quanto de pessoas comuns”. Muito lacradora, nossa tia Liz! E entre umas picadas e momentos quentes, Sally teve a ideia de nunca mais se separar do casal, e resolveu se costurar neles. Quem nunca pensou nisso, não é? Pessoas possessivas, ciumentas, com problemas de carência pensam nisso o tempo todo! Não deu muito certo, né manas. Os dois tiveram uma overdose, menos a Sally, porque a heroína mata um leão mas não mata a onça. Aí o amiguinho dela apareceu, a torturou por 3 dias e ela finalmente abriu mão de se livrar da costura. Fim. Essa foi a estorinha que ela contou pra Condessa, e ainda teve a coragem de dizer que foi o único lugar que ela experimentou felicidade e acolhimento. Gostaram?

  • You can’t let me die in this place;

tumblr_o0ln0u83Qu1qh109ao7_r1_250

Gente, o mozão morreu. É aquele ditado né; “Nadou, nadou, e morreu na praia”. Não sei se vocês se lembram mas a Condessa tava toda emocionada pela declaração de amor que o nosso querido e falecido Donovan Matt Magya tinha feito pra ela antes do Bang Bang começar. Rebobinando a fita dá pra lembrar que ele foi chifrado pelo menos umas três vezes que eu me lembre, obrigado a deixar o Hotel, tomou sangue dos cracudo da rua e pediu ajuda da Ramona. Mas ele voltou como um bom capacho volta! Acabou morrendo por tentar proteger a Condessa, e a gente nem sabe se os tiros foram disparados pela própria mãe. Pelo menos um ato de sanidade ele teve, aguentou firme até o térreo e morreu na fachada do hotel olhando pra mãe porque não queria ficar preso com os ex amantes da Condessa ali dentro. Fiquei comovida real com essa cena, mas não por muito tempo. Até a Condessa chorou quando ficou sabendo, lembra? Ele teve o corpo cremado pela Liz e as cinzas guardadas num pote de café, que mais tarde foi jogada do alto do hotel e levadas pelos ventos de Los Angeles. Ai que poético isso que eu falei. Sentiremos saudades, amorzão! Gostoso.

  • Bitch, when’s the last time you saw a dermatologist?; 

BiAiC8O - Imgur

Olha só quem voltou!!! BITCH, I WILL EAT YOU!!!“. Ai que saudades da minha amiga Queenie. Gente, Queenie apareceu a troco de nada e morreu de graça. Liz e Iris precisavam de alguém que alimentasse a Ramona, e eis que a Queenie aparece no hall do hotel e se torna a isca (quase) perfeita. Tinha uma reserva pra três noites nesse hotel maravilhoso, estava sozinha e ia ganhar dinheiro no programa The Price is Right, com Drew Carey. Fez os esquemas dela por lá e o babado já era certo. Meio desconfiada com o lugar e o climão que deve ser quando entra em qualquer um dos quartos do hotel, ela ficou toda apreensiva e pediu um outro quarto. Enquanto a Liz providenciava algum outro, aconselhou um banho, um momento relax por ali mesmo. E na hora da intimidade dela, manas, que ela tava no banheiro se preparando pro banho, a Ramona louca desesperada de fome apareceu.

Parecia aqueles morto de fome, aquele pessoal que passa vergonha em rodízio, aquela gente que come até os botões da calça não fecharem mais. Assim que ela tava! Queenie viu logo a cara da Ramona e tirou uma onda perguntando quando foi a última vez que ela tinha ido no dermato. Me representa muito essa voodoo! Representava, né. Mas eu me lembro que elas já foram amigas num passado distante e merecidamente esquecido, mais alguém lembra? Rolou tapas, chutes e pontapés pra todos os lados. Espelho quebrado, empurrões na cama até a Queenie revelar que era uma bruxa voodoo. Aí que a Ramona quis mesmo. Mas ela tava perdendo, viu? Até que o digníssimo supremo do hotel dos vampiros e fantasmas, James Patrick March, apareceu e salvou a Ramona, porque queria que ela matasse a Condessa. E a gente sabe que isso não aconteceu, né? Enfiou uma estaca na Queenie e revelou que não acontecera nada nele porque na verdade ele já estava morto. Enfim, R.I.P Queenie! Esperamos que o clã das bruxas dê por falta da Queenie no Conselho. Alguma bruxa esperta, antenada, que não seja sem sal, chata… Vocês me entendem!

  • Now is the perfect time;

tumblr_o0k9jjfPfh1sjdlmno1_500

O plano quase deu certo, mas deu um pouco errado. Quando o episódio começou a gente viu alguns instantes antes do tiroteio começar. Liz Finíssima e Iris socorreram Donovan e o levaram para a entrada do Hotel, e a Liz até percebeu que a Condessa tinha fugido, mas no momento, socorreu Donovan. Como o alvo principal não tinha morrido, e pior, tinha escapado, eles precisavam pensar em algum jeito de limpar a cagada que ficou. Cremaram Donovan e decidiram que iriam entrar no corredor tenebroso onde habitava a bruxa do mal Ramona Royale. Depois de muito relutar, Iris acompanhou a Liz até o corredor e deram de cara com um bando de corpos pelo chão, e se deram conta de que eram só as sobras de refeições da Ramona. Convenceram-na a sair de lá sem arrancar o pescoço das duas pra ficar forte e matar a Condessa. Plano fail mais uma vez. Ramona subiu até a suíte da Condessa e ao invés de matá-la foi convencida a deixar que ela fosse embora com o seu bebê e ainda ganhou um Make Love de despedida. No fundo, no fundo, a gente sabe que ela nunca sentiu ódio pela Condessa, foi só uma mágoa de rejeição e tempo perdido. Ela tava louca pra rolar um Make Love de novo, e pelo visto, conseguiu.

  • I am a cursed;

tumblr_o0m6uhYuKb1ujvt4qo1_250

Vaso ruim não quebra fácil não, e essa louca conseguiu escapar! Ninguém sabe por onde nem como, mas ela foi socorrida pela Sally, gritou horrores de dor enquanto tinha as balas retiradas do corpo a unhadas pela louca do rock. Ainda teve que ouvir as estórias de vida vividas por ela. Mas o papo é o seguinte; Condessa devia a vida pra Sally, que disse que não queria ser abandonada de nenhuma maneira e também precisava de um favorzinho. Fraca do jeito que tava, ela concordou com esse favor e o cumpriu mais tarde. Tomou o sangue dos filhos, mesmo contra a vontade, porque se deu conta de que ou era isso ou não sobreviveria mais. Tomou todo o vidro de sangue, parecendo um camelo com sede no deserto e pediu um tempo pra ficar sozinha. Depois essa senhora apareceu toda triste, gente. Com cara de enterro, sabe? O que importa é que ela fez o favor pra Sally. Arrumou um jeito de trazer o John de volta pro Hotel. Foi o erro, manas! Porque depois de fazer um Make Love com a Ramona e convencê-la de que já não aguentava mais ficar ali e que queria ir embora com o filho dela, ela ia saindo com as malas prontas e John apareceu assim que a porta do elevador abriu. Foi tiro por todos os lados, John descarregou a arma real pra cima dela e a Condessa já era.

tumblr_o0lvueKo3X1tnko2io4_r2_500

Isso nem fazia parte dos planos de March, ele só queria que a Condessa morresse e ficasse presa no hotel, mas não imaginou que John o faria. Pelo contrário, contava com a Ramona pra fazer isso. Mas pro John só faltava um último mandamento. Pra quem achou que o “Não cometerás homicídio” seria um tiro na própria cabeça, um outro alguém o matando, entre outros, teve uma baita surpresa! John, que nem tinha reais intenções, planos ou ajuda pra matar a Condessa, ganhou a disputa com Liz, Iris e Ramona. Foi lá e fez! Cortou a cabeça da Condessa e a fixou no vidro de último mandamento, e foi parabenizado por Mr. March, que nem tinha pensado nessa possibilidade.

tumblr_o0m8jzO7Ry1ujvt4qo1_250

Condessa claramente tinha assuntos inacabados, e virou um dos fantasmas no hotel. Num desses jantares, que agora não precisarão ser mensais, disse que se sentia vazia e sem paixão, brindou com desgosto sua vida eterna naquele lugar maravilhoso com a pessoa que ela tanto adorava, seu ex marido. Até revelou pra ele que não havia sido ela que o denunciara pra polícia. Sabe como é treta de casal, né? Lembra de coisas de cem anos atrás! E ele descobriu que foi a Mrs. Evers que tinha denunciado e ela acabou revelando o amor que sentia por ele. Em troca, recebeu desprezo da Condessa e foi banida da presença de March.

Semana que vem é a Season finale, galera! Assista a promo do episódio ‘Be our Guest‘ clicando aqui.
Até a próxima!

 

'