CONTAGEM REGRESSIVA PARA FREAK SHOW

Faltando “apenas” um mês pra estreia da quarta temporada a contagem regressiva já começou. E com ela as especulações.

Ryan Murphy promete manter sua preocupação com as minorias e temas polêmicos. E nada como um show de aberrações para pontuar a temporada. Mas por enquanto é basicamente tudo o que se sabe com certeza porque de resto temos: se passa no início da década de 50 (provavelmente com inserções em outros períodos de tempo), onde a personagem de Jessica Lange comanda o último circo de aberrações e que um dos vilões será um palhaço ao estilo Rubber Man e Minotauro.

Praticamente nada se sabe sobre os temas paralelos ou quem são de fato os personagens. Divulgaram apenas alguns nomes de atores fixos e convidados e seus respectivos personagens. A maioria deles é freak de algum modo.

Também muito foi falado sobre qual será o tom da temporada. Inicialmente Murphy chegou a mencionar que seria mais parecida com Asylum, mas que manteria um pouco do humor utilizado em Coven. Só espero que seja mais do tipo usado com LaLaurie e que ele esqueça de vez aquela coisa teen e o drama exacerbado. Pelo menos quanto ao elenco essencialmente feminino já nos livramos.

Tim Minear declarou na Comic Com de San Diego que Freak Show será bem diferente das três temporadas anteriores. Porém, quando ele diz que será um encontro entre Douglas Sirk e o filme Zodiac automaticamente me fez pensar em Coven. Afinal Sirk é considerado o mestre do melodrama e o “Assassino do Zodíaco” não deixa de ter relação com o Axeman. Vamos esperar que ele esteja se referindo ao estilo cinematográfico de Sirk com algum serial killer que AHS sempre empresta da vida real.

John Landgraf, CEO da FX Networks, meio que confirma isso quando diz que Freak Show estará entre a sombria e Hitchockiana Asylum e a bem humorada e ousada Coven. E ainda que as similaridades com as temporadas anteriores não terminam por aí. Ele revela que este ano o visual será algo nunca visto antes, tanto do ponto de vista do design quanto do cinematográfico. E se considerarmos o que vimos até hoje em AHS, espetacular talvez não expresse totalmente a realidade.

Segundo Tim Minear, nós vamos ver novas pessoas e rostos familiares. E se Jessica Lange, Evan Peters, Sarah Paulson, Denis O’Hare, Frances Conroy, Kathy Bates e Angela Bassett já não fossem motivos suficientes para querermos assistir a série, Freak Show traz Michael Chiklis (The Shield) como um dos protagonistas, John Carrol Lynch (Zodiac) fazendo um vilão assustador e Wes Bentley (American Beauty) interpretando um cruel algoz.

Teremos ainda os atores de The Normal Heart, Matt Bomer (White Collar) e Finn Wittrock (All My Children) e a premiada cantora e compositora Patti Labelle. Agora vamos esperar que sua personagem não seja desperdiçada como ocorreu com Patti Lupone em Coven, nem que seja uma participação como a de Stevie Nicks. Se for pra ser um momento Glee, que pelo menos seja outro “The Name Game”.

E parece que os rumores sobre a possibilidade de mesclar personagens e histórias de temporadas anteriores é verdadeira. Naomi Grossman retorna em Freak Show como Pepper. Vai ser interessante ver sua trajetória antes de Asylum. E se tudo funcionar quem sabe veremos outros personagens favoritos do público retornando para mais histórias. Desde que, é claro, não sejam aquelas infindáveis ressuscitações de Coven.

Lily Rabe não estará em Freak Show e certamente fará falta. Mas quem sabe não teremos de volta Zachary Quinto, Dylan McDermott, Chloe Sevigny (que curiosamente também esteve em Zodiac), Kate Mara e James Cromwell, mesmo que fosse em participações pequenas mas muito especiais.

Agora é torcer para que Freak Show se mantenha fiel a premissa de American Horror Story e seja uma temporada repleta de Horror, com personagens coerentes com seus perfis e que as histórias tenham nexo do início ao fim.

Três. Dois. Um. 8 de outubro!

  • Felipe Lyra

    Amaria ver uma rotatividade de elenco maior.

    • Andrea Merchak

      Pra mim isso é meio ambíguo. Eu adoro ver a
      Jessica Lange e o Evan Peters como protagonistas desde a primeira temporada. E também
      a Sarah Paulson, Lily Rabe e Zachary Quinto voltando em grandes papeis. E
      depois vieram a Angela Bassett e a Kathy Bates que eu simplesmente adoro. Sem contar
      a volta do Denis O’Hare. Como ficar sem eles e a não menos querida Frances
      Conroy? Esse ano já tem muita gente boa chegando. É complicado…

      • Felipe Lyra

        Mas aqui, pensa comigo, do mesmo jeito que me apaixonei por maior parte do Elenco, se trocar mais os atores terei mais gente para adimirar. Não acha? Não que eu não goste dessa galera.

        • Andrea Merchak

          Então, é isso mesmo. Daqui a pouco tem tanta gente boa e que eu adoro que não vai ter espaço pra tanto personagem. kkkkk

  • Keven Costa

    Esperava que aquela atriz da 1° temporada a ruivinha empregada fosse uma daquelas que apresentava o circo, n falo da coroa e sim daquela delicia de moça 😀

    • Jualan Pierre

      Moira O’ Hara, é o nome da ”ruivinha”.

  • Garrett

    Pepper? What? Pensei que em cada temporada era um mundo diferente.
    Vai ficar bem WTF ela ter ficado no circo e depois ir pra um asilo com pessoas extremamente iguais às do circo..

    • Marcos Paulo

      acho que Freak Show será como a Pepper surgiu e depois (asylum) terminou.

  • Greydilmer Nobrega

    Que dia, hora e canal começa no Brasil? Procurei na programação da Fox e do FX e não consta nada!!!! Obrigado.

    • Letycia Ribeiro

      Tambem estou muito curiosa

    • Noberto Neto

      Agora que vi na página American Horror Story Brasil que a estreia aqui será só em Janeiro. :c

      • Walace Oliveira

        Não Cara. No Brasil Vai Estrear 20 De Outubro http://fox.canais-fox.pt/american-horror-story

        • Noberto Neto

          Mas esse site é da FOX Portugal, não vale pra cá. Tanto é que, se você comparar a programação, é diferente. A informação da página do American Horror Story é mais confiável até agora.