Review do episódio 2.13 – “Madness Ends” (Season Finale)

Madness Ends começa retornando à cena inicial dessa temporada, mas desta vez da perspectiva de Johnny Thredson, que é o responsável por cortar o braço de Leo. Logo, somos transportados para uma entrevista que Lana, já com uma idade avançada, está dando em sua casa, junto com uma equipe de profissionais. Todo o episódio é contado de sua perspectiva, durante a entrevista, ela revela fatos inéditos, que nunca foram ditos ou publicados em seus best sellers, ou aparições públicas enquanto se tornava famosa. Finalmente ela conseguiu derrubar o sanatório, mas antes foi atrás do Cardeal Timothy Howard, que não aguentou a pressão das própria mentiras, e acabou se suicidando. Ela conta que retornou ao asilo à procura de Jude, que não estava mais lá. Lana diz que foi atrás de Kit, que começou a contar alguns fatos à Lana. Ele contou à ela que voltou ao Briarcliff várias vezes, para visitar Jude, e numa dessas visitas à levou embora para morar junto com sua família. Kit cuidou dela, assim como ela ajudou, estando presente para as crianças, e para ele mesmo. Todos naquela casa se tornaram próximos, mas Jude ficou doente, e numa cena emocionante, recebeu o beijo do anjo da morte.

Anos se passaram, e Kit casou-se de novo, mais algum tempo, Kit desenvolveu câncer, e recusou ser cuidado por seus filhos, ela diz que ninguém sabe ao certo o que aconteceu com ele, mas vimos que os alienígenas o levaram, provavelmente para curá-lo em algum lugar melhor.

Johnny Thredson estava o tempo todo dentro da casa de Lana, junto com a equipe de profissionais encarregados pela entrevista, ele ouve quando Lana confessa ao público, que mentiu quando disse que seu filho havia morrido durante o parto, e conta que voltou à vê-lo, mas como não o amava, deixou que fosse criado por outra família.

Quando toda a equipe vai embora, ela já esta ciente que não está sozinha em casa, e revela ter o reconhecido, e mãe e filho ficam frente à frente. Johnny diz que encontrou a fita com a confissão de seu pai no eBay, e que só conseguiu entrar na casa depois que assassinou um dos membros da equipe de filmagem. Em meio à esse confronto poético, Johnny encosta uma arma na cabeça de Lana, só que não consegue puxar o gatilho, mas Lana não perdoa, diz que a culpa de tudo que aconteceu de errado com ele é dela, e assassina o próprio filho com um tiro na cabeça.

O season finale de American Horror Story Asylum não agradou alguns fãs, mas com certeza, a maioria notou a forma magistral e espetacular que Murphy encerrou mais uma temporada da melhor série de horror da atualidade. Agora, o que podemos fazer é acompanhar as novidades dá próxima temporada, que provavelmente será algo inovador, excitante e insano. 

Escrito por: Alessandro B.s – @JokerAbs