Ryan Murphy sobre as temporadas de ‘American Horror Story’: “Estão todas conectadas!”

CONTÉM SPOILERS

As duas partes do episódio de Halloween de American Horror Story: Freak Show, nos levou à duas mortes principais: a empregada devotada Dora, Patti LaBelle e Twisty, o Palhaço. Mas será que eles realmente foram embora? E mais, será que Lily Rabe retorna como Mary Eunice? Se você é fã de AHS, irá querer ler esta entrevista com Ryan Murphy.

EW: O passado de Elsa foi sombrio. Jessica ficou com medo de enfrentar tudo aquilo?

RYAN MURPHY: Não. Ela é uma grande fotógrafa e coleciona fotografias, tinha interesse em fotografias daquele tempo. Então ela estava bem familiarizada com o que aquilo foi. Você sabe, ela adora um flashback, Jessica Lange. Ela foi muito valente com tudo aquilo. Eu achava que ela ficaria um pouco enjoada, porque ela não gosta de muito sangue, como todos sabem. Foi uma coisa de duas partes: a tragédia do filme de rapé, mas nos futuros episódios, nós descobrimos quem na verdade fez aquelas pernas perfeitas. Então ela gostou daquilo.

Ela é a pessoa que faz de suas pernas uma história de amor?

Ela têm muitas histórias de amor. Será uma delas sim.

Você terá alguém como o Axeman foi para Fiona?

Sim, mas eu disse para Jessica com muita antecedência sobre isso, que nesta temporada, que o seu interesse amoroso é sua carreira. Aquele tipo de mulher que quer ser uma estrela, custe o que custar. O show business é o grande amante de sua vida. Nós fazemos de pouco em pouco, mas não é uma história de amor do tipo Axeman/Fiona, não.

E a tensão amorosa entre Dot, Bette, Maggie e Jimmy, irá se intensificar?

Sim. Estamos fazendo um uma coisa quíntupla estranha. Jimmy claramente está apaixonado por Maggie. Dot está apaixonada por Jimmy. Mas Dandy está apaixonado pelas gêmeas então que p*** vai acontecer? Então tudo isto está submerso. Nos próximos dois episódios nós realmente iremos entrar em Dandy por completo.

Nós temos várias histórias do passado de vários freaks. Iremos conhecer as de Dell e Desiree?

Sim. Eles têm grandes histórias do passado no próximo episódio. Vocês descobrirão sobre a infância de Desiree. Irão descobrir sobre Dell e de onde ele e ela vieram, o porquê de ele estar com ela e tudo o mais. Tem muito pra por na mesa.

Dandy é claramente um assassino. Nós não vemos Gloria neste episódio. Como ela irá lidar com tudo isto?

Bem, ela está bem furiosa. Quando eu estava pesquisando, eu li muito sobre Jeffrey Dahmner, porque o pai dele escreveu um livro. Ser pai de um sociopatia é uma estrada difícil. O que você faz? Você ama seu filho, mas você precisa fazer o que é certo pela lei e pela sociedade, e este é o dilema de Gloria. Ela fala no próximo episódio sobre a história das pessoas ricas que encobriram crimes e como se reproduziram na sociedade rica, que foi fascinante de aprender também. Ela não finalizou com o assassinato. Ela está tentando salvá-lo, mas está muito abrigada em sua cacatua (casco), então ela está sofrendo tentando fazer o correto para seu filho e para as vítimas.

A morte de Twisty foi uma surpresa. Isso havia sido planejado sempre, de mata-lo tão cedo?

Sim. Mas Twisty não acabou e nem Edward Mordrake. Ambos fazem seus retornos triunfantes. Eu fiquei chocado de ler tantos “Descanse em paz, Twisty” nos sites e blogs de fontes da série. As pessoas amam Twisty. Acho que isso é pelo poder de John como ator. Acho que ele é tão hipnotizante e solidário. Falamos muito sobre isto. Ele não queria ser um palhaço assassino. Ele queria a ideologia e um passado, e eu acho o passado dos palhaços tão fascinante e bizarro. Nós estamos nos falando no Halloween e eu já vi três Twistys, então, parece que ele conseguiu o efeito. Eu o amo. Amei sua performance. Ele voltará.

Eu já vi o próximo episódio e Matt Bomer aparece numa grande e fenomenal sequência, mas incrivelmente perturbante.

É perturbador. Eu fico dizendo isso, mas eu acho que eu fico indo além na minha mente, mas eu acho que é a coisa mais perturbadora que já fizemos, porque é muito real e baseado num fato. É uma sequência de verdadeiro terror e Matt é um grande amigo, já colaboramos várias vezes. Ele foi muito desafiado por aquilo. É uma sequência bem gótica e esquisita. É bem estranho ver dois caras de Normal Heart, numa sequência como esta. Mas, é a vida. Todos ficaram loucos quando fizemos isto. Matt pensou que foi realmente um desafio como ator e foi por isto que ele fez. Eu acho que o quinto episódio acende o terror quociente num jeito real no nosso show.

Você pode falar algo sobre Lily Rabe retornando?

Não quero falar muuto sobre isto, mas obviamente, ela está interpretando A irmão Mary Eunice. O interessante sobre fazer o show como este, é que em cada temporada, há uma história incrivelmente própria, com seu começo próprio, seu meio e fim. Tem sua própria jornada. Mas nós sempre, desde o comecinho, fazemos as mitologias se entrelaçarem e como as coisas se conectam. Este é o primeiro ano onde nós começamos a contar que a segunda temporada está conectada com a quarta temporada, que está conectada com a primeira temporada. As pessoas começaram a ler os artigos sobre isto. Muitas hipóteses foram diretamente ao ponto. É a graça do show. Felizmente, no final da jornada, seja de 10 ou 15 anos, as pessoas estarão aptas a ir para trás e dizer “Ah, isto estava conectado com aquilo.” Definitivamente, há um ritmo ou uma razão para toda esta conexão de todas estas temporadas, mas do mesmo modo, são autônomas, e isto é a diversão. Mas é um enigma e Lily voltando, tendo que lidar com Pepper, é meio que a primeira revelação da conexão. Ela está tão bem neste papel, Lily. Eu entendo que ela queria sair e fazer seu próprio show. Mas eu fiquei emocionado que ela pode voltar e nos dar alguns dias, mostrando como Sister Mary Eunice e Pepper estão conectadas ou como está tudo conectado. Estou feliz que ela está de volta ao hábito.

Então, você está dizendo que esta temporada está conectada com a primeira?

Todas estão conectadas. Estamos apenas no começo de contar a vocês como estão conectadas. Estão bem separadas, mas há pistas em cada temporada que estamos contando agora como os mundos diferentes estão interligados.

Ah, eu pensei que era só ficção de fã.

Parte da diversão do show, é o design do cubo de Rubik, mas sim, são conexões de propósito, personagens conexões, similaridades e coisas que conectam e iremos continuar conectando adiante.

Tem esta cena, onde Maggie levanta uma xícara de café para o policial e há um close no topo do seu chapéu. Isto foi uma pista?

Esta é uma grande temporada de cinco pistas. É uma pista arcaica, mas muito proposital e ilumina algo que você ficará: Ah, seu porco imundo filho da ****.

Tradução e adaptação: Marianna Marcinichen Garcia.